Coopera A1: alta performance e velocidade de dados para diversos negócios.

A Cooper A1 é a primeira cooperativa agropecuária formal, de produção e consumo de Santa Catarina. Com sede em Palmitos-SC, ela foi fundada em 1933 por 18 agricultores. 
Atualmente com 85 anos, a Cooperativa conta mais de 9.000 cooperados, mais de 1.400 colaboradores, e está presente em 23 cidades do sul do Brasil.  

Além da produção agropecuária, a cooperativa atua em diversas outras atividades como fábrica de rações, supermercados, lojas agropecuárias, postos de combustíveis, granjas, UPL’s, centros de distribuição, unidades de recebimento de grãos entre outros.
 
Entenda o case da Coopera A1, que depois de atualizar sua infraestrutura de T.I com a Trade Technology, aumentou a performance e velocidade de dados para diversos negócios.

O desafio: implementar estrutura de T.I integrando diversos negócios da Cooper A1

Com todo o crescimento e a diversidades de atividades de negócios, a Cooper A1 percebeu a necessidade de investir em uma infraestrutura de T.I mais robusta e ágil, que pudesse atender todas as suas demandas, evitando perda de dados e atraso nos processos. 
 
Foi então, em uma conversa com outra cooperativa da região, sobre a busca por uma solução ideal para os negócios, que eles conheceram e entraram em contato com a Trade Technology, e posteriormente com a IBM.  

O projeto e as soluções 

Desde a primeira conversa, a preocupação da Trade foi minimizar qualquer impacto que pudesse atrapalhar o crescimento da cooperativa. Dessa forma, em parceria com a IBM, a prioridade foi oferecer soluções mais robustas, eficientes e principalmente seguras para o projeto da Cooper A1. 

A primeira etapa do projeto foi o envio de uma equipe de profissionais extremamente qualificados da Trade, que em conjunto com a equipe técnica da cooperativa, buscou mapear e entender o ambiente, os processos e suas necessidades detalhadamente.  

Após o mapeamento, foi criado um ambiente de testes e homologação, e realizado uma POC (Prova de Conceito), a fim de validar se o resultado final do projeto seria positivamente satisfatório ou não. Então, simulamos o ambiente da cooperativa dentro do nosso datacenter, considerando a utilização do banco de dados DBMaker e às aplicações COBOL (ISCOBOL).  

O cliente conseguiu realizar todos os testes de performance, analisou os resultados e chegamos à conclusão de que esse seria o modelo ideal para atender as demandas apresentadas.  

A segunda etapa, consistiu basicamente em criar uma rotina, um modelo técnico que previa toda questão de migração da tecnologia X86 para um ambiente com 02 servidores Power9 IBM, um para o site principal com o objetivo de rodar ambiente de produção, o outro com o objetivo de rodar o DR, DEV, QA e restore com todo ambiente utilizando o sistema operacional Red Hat. E também a utilização de 02 storages IBM FlashSystem 7200, com tecnologia NVMe. 

Leia também: IBM POWER: otimize seu banco de dados

Os benefícios e resultados 

Segundo Maurício Palombit, analista de redes da Cooper A1, que cuida de toda a estrutura de redes, a instalação dos servidores storages da IBM possibilitou: 

  • Separar o banco de dados da aplicação: resultando em excelente performance e estabilidade para o sistema.  
  • A instalação do servidor de DR: que possibilitou alta disponibilidade, ou seja, caso o servidor principal venha falhar, ele permite a continuidade do negócio. 

Além disso, o analista relata que o servidor de homologação e testes que foi instalado tem ajudado muito o setor de desenvolvimento. E que uma das principais melhorias foi: 

  • A redução expressiva no tempo de execução do backup: que antes levava horas e atualmente é quase instantâneo, realizando a tarefa em apenas alguns segundos. 

A maior realização da Trade Technology no desenvolvimento desse projeto foi evidenciar diversos benefícios nos resultados da infraestrutura implantada na Cooper A1. Que além das tecnologias avançadas e de alta performance, proporcionou também uma grande sinergia entre as equipes da Trade, da IBM e da Coopera A1.  Esperamos que seja o primeiro passo de uma longa parceria de sucesso. 

Assista abaixo o vídeo case da Coopera A1! Que conta sua experiência com o trabalho da Trade Technology e os resultados alcançados com a implantação do projeto de infraestrutura IBM. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *